Ramen

Ramen

O ramen é um prato de massa tradicional da China que foi introduzido no Japão com características exclusivas à culinária japonesa. Os estabelecimentos famosos de ramen estão sempre lotados, pois estes são altamente publicitados na televisão e em revistas, e devido também a ser um prato consumido muito frequentemente no dia-a-dia.

Quanto à sua origem, existem algumas teorias, mas no que diz respeito a como se inseriu na culinária japonesa, diz-se que o seu início esteve no encontro entre a massa chinesa, feita utilizando kansui (água rica em carbonato de potássio, carbonato de sódio, e ácido fosfórico) e o seu tradicional caldo, e o molho de soja japonês tradicionalmente usado em soba. Daí em diante originou-se um autêntico "boom" de ramen por todo o país, e nasceram variedades regionais tais como ramen de miso, de sal, ou de tonkotsu (osso de porco). Este prato é, hoje em dia, uma das "comfort foods" japonesas mais conhecidas em todo o mundo.

A composição do ramen consiste em massa chinesa, caldo, aos quais se adicionam vários ingredientes, tais como chashu (carne de porco assada), rebentos de bambu, cebolinho, etc. As principais características da massa são a utilização de farinha de trigo e de kansui, o que dá origem a um sabor e textura únicos em comparação com outras massas feitas da mesma farinha.

O caldo é um dos factores mais importantes para determinar o sabor do ramen, e estes caldos são cozinhados ao longo de muito tempo, utilizando os mais variados ingredientes. Os ingredientes mais comuns que são utilizados são produtos animais, como ossos de galinha, vaca, ou porco, kezuribushi (flocos de bonito seco), niboshi (sardinhas secas), kombu (alga marinha), entre outros.

Por cima do ramen podem-se adicionar vários ingredientes além dos acima mencionados, havendo um número quase infinito de possibilidades.

Além disso, este prato continua a evoluir com o passar dos anos, e têm vindo a surgir várias subdivisões deste género de comida. Nos últimos anos, têm vindo a ser adoptados ingredientes e métodos ocidentais, apagando cada vez mais as fronteiras entre Japão e o resto do mundo, mas ao mesmo tempo surgiu também uma "nostalgia do ramen", em que a atenção se tem voltado de novo para os ramen mais tradicionais. Além de terem começado a procurar sabores nostálgicos, os estabelecimentos de ramen têm-se vindo também a focar na qualidade dos ingredientes, o que tem dado origem a uma nova geração de ramen.

Chūka soba (massa chinesa) tradicional



Ramen: Galeria de Imagens


Ramen: Galeria de Vídeos