Postado por: ジャパンホッパーズ編集部(Japan Hoppers Editors) 23 Jan 2016

Viage pelos lugares de bebidas do Japão

Viage pelos lugares de bebidas do Japão © N. Nomura

Há uma estimativa que exitam 1200 adegas no Japão, e o saquê japonês é feito em cada província. Sake difere não só em sabor, mas em emparelhamentos de alimentos e formas de beber, dependendo da região. Quando se aprende sobre o saquê, é possível obter um vislumbre da rica cultura do Japão. Introduziremos a cidade de Nada da província de Hyogo nesse artigo

Um dos três famosos locais para se beber do Japão

A zona costeira da Baía de Osaka entre Osaka e Kobe é chamada de Nada-gogo, e é conhecido como um dos três estabelecimentos de bebidas mais famosos do Japão. O saquê começou a ser produzido na região à aproximadamente, a partir do 1330. O saquê produzido aqui é referido como saquê dos homens que tem característica de ser seco e fresco.

Para maximizar o sabor seco do saquê produzido em Nada, muitas vezes é consumido da maneira "Kan” e com acompanhamentos como o Akashi pargo ou Kobe beef, ingredientes únicos da província de Hyogo são recomendado.
~ Mr. Sawada, Presidente, Hakutaka Corporação ~

※”Kan” significa beber saquê quente.

“Miya-mizu”, sinônimo de saquê de Nada.

O saquê japones é composto por aproximadamente 80% de água, e, por isso, a qualidade da água utilizada na produção aparece na qualidade do licor. A qualidade do saquê seco e nítido da cidade de Nada é possível através da água subterrânea ", Miya-mizu" (água Miya). A água do subsolo que brota em apenas uma pequena parte da área de Nishinomiya vem do sopé Rokko, a oeste, e contém muitos minerais. Do período Edo ao inicio do período Meiji, o saquê muitas vezes apodrecia, no entanto, saquê produzido de Miya-mizu tinha uma reputação de não apodrecer e era muito apropriado para fabricação de cerveja.

A fim de proteger Miya-mizu, que é crucial para fazer o saquê de Nada, adegas e o governo local estão unidos para trabalhar em atividades de conservação. Ao construir edifícios em torno do Miya-mizu, seja arranha-céus ou casas, várias pesquisas são necessárias. Se houver uma possibilidade de que o projeto de construção possa afectar negativamente a qualidade da água, licenças de construção não são concedidas.

Saquê de arroz de melhor qualidade “Yamada Nishiki”

A província de Hyogo floresce na produção de saquê de arroz (arroz usado somente para fabricação de bebidas), e é o maior produtor do famoso saquê de arroz "Yamada Nishiki". Além disso, os contrafortes Rokko produz o saquê de arroz de mais alta qualidade de Yamada Nishiki.

“Kimoto-zukuri” processo que traz o melhor da água Miya-mizu e o saquê de arroz de Nishiki.

Água e arroz que vieram do solo original de Nada. Kimoto-zukuri é o método de processamento, que foi passado a partir do período Edo, em que o melhor é trazido para fora dos ingredientes. O processo Kimoto-zukuri usa bactérias naturais de ácido láctico na fermentação láctica para criar um bem encorpado.

“Hakutaka”, uma antiga empresa de representação da cidade de Nada

Nishinomiya, na província de Hyogo. Localizado a 40 minutos de Osaka (de trem), em uma área residencial a 10 minutos a pé da estação Nishinomiya, é Haku Taka ("Haku" significa branco, "taka" significa falcão) cervejaria. Fundada cerca de 150 anos atrás, durante o período Edo, é uma cervejaria de longa data que ainda usa o método de processamento Kimoto-zukuri. Além disso, é a única cervejaria selecionada por Ise Santuário da província de Mie como "Saquê Goryo" e barris de Hakutaka pode ser visto em uma exposição empilhados durante os feriados do Ano Novo.

Saquê especial que está disponível apenas aqui.

No "Hakutaka Rokusen", adjacente à sede Hakutaka, há restaurante com enguia da cozinha kaiseki, bem como uma loja que vende saquês com disponibilidade limitada. No "Kura Bar" (aberto aos sábados, domingos e feriados apenas), os visitantes podem beber um shot de saquê que só está disponível aqui. O tradicional Kanzaki (bem quente) também está disponível aqui.

Hakutaka Rokusen também tem uma sala de referência (entrada livre) que apresenta ferramentas utilizadas durante o período Edo no processo de fermentação Kimoto-zukuri.

“Daiginjo Junmai Gokujo Hakutaka”, a marca que representa a Hakutaka

Daiginjo Junmai Gokujo Hakutaka é a gmea de Hakutaka e tem um preenchimento de sabor que só pode ser criado pelo processo Kimoto-zukuri.

Copperação de:

Corporação Hakutaka
Address:1-1, Hama-machi, Nisinomiya-shi, Hyogo
HP:http://www.hakutaka.jp/



ジャパンホッパーズ編集部 / Japan Hoppers Editors

ジャパンホッパーズ編集部 / Japan Hoppers Editors

O departamento editorial do Japan Hoppers apresenta-lhe todas as novidades do Japão.


Marcadores